28 de out de 2014

Resenha: Reconstruindo Amelia - Kimberly McCreight

Sinopse: Você conhece a pessoa que mais ama no mundo?
Kate Baron achava que sim até receber a devastadora notícia de que Amelia, sua filha de 15 anos, cometeu suicídio pulando do telhado do colégio particular onde estudava. Poucos dias depois, entretanto, uma mensagem anônima em seu celular revela que a morte de sua filha talvez não tenha sido da maneira que as autoridades alegaram.
Amelia pode ter sido assassinada? Como advogada, Kate está determinada a descobrir a verdade e, para isso, mergulha no passado da filha, recolhendo cada fragmento de e-mail, cada linha dos textos do blog, cada atualização de status do Facebook.
Sempre um passo atrás da verdade, ela descobre um lado de Amelia que nunca imaginaria que existisse.
Este impressionante romance de estreia vai além de uma história sobre segredos e mentiras. Narra a busca de uma mãe tentando reunir cada detalhe possível para reivindicar a memória da filha que não pôde salvar.

Um livro que só pela sua sinopse me fez coloca-lo no topo de livros que tenho para ler e que quero que todas as minhas amigas leiam para eu poder discuti-lo mais a fundo! E é, infelizmente (ou felizmente?), uma das últimas aquisições da Bienal de SP que faltava para ler.

15 de out de 2014

Wishlist: Por que eu moro no Brasil?

Volta e meia eu assisto alguns vlogs e blogs gringos a respeito de livros e acabo descobrindo livros que parecem ser maravilhosos, mas, infelizmente, não foram lançados no Brasil e é nesses momentos que eu me pergunto Por que eu moro no Brasil?


1.Whistling Past the Graveyard - Susan Crandall
O verão de 1963 começa como qualquer outro para, Starla Claudelle, 9 anos. Filha de pais adolescentes no Mississippi, Starla está sendo criada pela rigoroso avó paterna, Mamie, cujo pior medo é que Starla seja como a mãe. Starla não viu sua mãe desde que quando tinha três anos, mas está convencida de que ela mantenha sua promessa de levar Starla e seu pai para Nashville, onde espera se tornar uma cantora famosa - e que um dia sua família se estará completa.

Quando Starla está de castigo no 4 de Julho, ela foge para ver o desfile. Depois de ser pega, o medo de Starla que Mamie vai tornar ameaças em realidade e mandá-la para escola reformatória, a faz a entrar em pânico e fugir de casa. Uma vez no interior, uma mulher negra, Eula, que está viajando com um bebê branco, a oferece uma carona. Ela aceita alegremente, com o objetivo final de chegar a sua mãe em Nashville.

Enquanto as duas companheiras improváveis ​​fazem longa e às vezes perigosa viagens, Starla descobre para as duras realidades da segregação do sul de 1963. Enquanto conversa com Eula, reconecta-se com seus pais e se encontra uma série de desventuras surpreendentes, Starla aprende a se libertar de sonhos de longa data e percebe família é composta por quem vai sacrificar tudo por você, não importa se ligados pelo sangue ou pelo coração.


2. I'll Meet You There - Heather Demetrios

Se Skylar Evans, 17 anos, fosse uma típica garota de Creek View, seu futuro envolveria um trailer largura dupla, um bebê no colo e um emprego no Taco Bell. Mas depois da formatura, a única coisa entre a Skyler certinha e a escola de arte são três meses de verão de salário minimo. Skylar pode sentir o gosto da liberdade - isso é, até a sua mãe dela perder o emprego e tudo começar a cair. Dividida entre os seus sonhos e as pessoas que ela ama, Skylar percebe tudo que ela trabalhou está em jogo.
Josh Mitchell, 19 anos, tem uma passagem de saída de Creek View diferente: a Marinha. Mas depois que sua perna foi explodida no Afeganistão, ele volta para casa, uma concha do garoto presunçoso que ele costumava ser.
O que junta Josh e Skylar é o trabalho em Paradise - um motel na saída da velha Rodovia 99. Mesmo com a diferença delas, seu isolamento compartilhado se transforma em uma inesperada amizade e algo mais profundo em breve.



3. Falling Into Place -Amy Zhang

No dia em que Liz Emerson tenta morrer, tinham revisto leis do movimento de Newton nas aulas de física. Então, depois da escola, ela colocá-los em prática, executando seu Mercedes para fora da estrada.

Por quê? Por que Liz Emerson decidiu que o mundo seria melhor sem ela? Por que ela desistiu? Contada por um narrador inesperado e surpreendente, esta história desoladora e não linear novos junta os pedaços da vida curta e devastadora de uma das meninas mais populares do Meridian High. Massa, aceleração, momento, força - Liz não entende de física, e até mesmo como seu Mercedes arremessado contra uma a árvore, ela não entende isso agora. Como podemos impactar o outro? Como nossas ações repercutem? O que significa ser um amigo? Para amar alguém? Para ser uma filha? Ou uma mãe? A vida é realmente mais do que causa e efeito?



4. I Was Here - Gayle Forman (lançamento em 2015)


Quando sua melhor amiga Meg bebe uma garrafa de produto de limpeza industrial sozinha em um quarto de motel, Cody fica compreensivelmente chocada e devastada. Ela e Meg compartilhavam tudo, então, como não houve aviso? Mas quando Cody viaja para a cidade universitária de Meg para arrumar os pertences deixados para trás, ela descobre que há muito que Meg nunca lhe disse. Sobre suas antigos companheiras de quarto, o tipo de pessoa Cody nunca teria conhecido em sua pequena cidade em Washington. Sobre Ben McAllister, o menino com uma guitarra e um sorriso sarcástico, que partiu o coração de Meg. E um arquivo de computador criptografado que Cody não pode abrir, até que ela faz, e que, de repente, tudo Cody achava que sabia sobre a morte de sua melhor amiga é jogado para cima.




5. The Silent Sister - Diane Chamberlain


Em Silent Sister, Riley MacPherson passou a sua vida inteira acreditando que a sua irmã mais velha, Lisa, cometeu um suicídio quando adolescente. Agora, vinte anos depois, o pai dela morreu e ela está em New Bern, Carolina do Noite, limpando a casa dela, quando ela descobre uma evidência que prova o contrário. Lisa está viva. Viva e vivendo com uma nova identidade. Mas por que exatamente ela estava fugindo todos esses anos, e quais são segredos guardados até agora? Enquanto Riley trabalha para descobrir a verdade, suas descobertas vão coloca-la em questionamento sobre tudo que ela pensava saber sobre sua família. Riley precisa decidir quais coisas do passado significa para elano presente e o que ela vai fazer a realidade recém descoberta.






6. The Last Time We Say Goodbye - Cynthia Hand (lançamento em 2015)


A última vez que Lex estava feliz, foi antes. Quando ela tinha família que era completa. Um namorado que ela amava. Amigos que não a olham como se ela pudesse entrar em colapso a qualquer momento.

Agora ela só é a garota que o irmão se matou. E parece que isso vai ser tudo o que ela será.

Enquanto Lex começa a retomar sua vida, ela tenta bloquear o que aconteceu na noite que Tyler morreu. Mas existe um segredo que ela não contou a ninguém - uma mensagem que Tyler mandou e que poderia ter mudado tudo.

O irmão de Lex está morto. Mas Lex está para descobrir que uma fantasma não precisa ser real para impedi-la de seguir em frente.


obs: eu que traduzi as sinopses, então desculpe qualquer erro. 

9 de out de 2014

Resenha: A Bandeja - Lycia Barros




A Bandeja conta a história de Angelina, jovem de 19 anos, que ao entrar para a universidade, inicia um apaixonado envolvimento amoroso com um de seus professores, Alderico - mais conhecido por Rico. Por conta de toda a avassaladora e descontrolada paixão que envolve esse relacionamento, Angelina começa a viver somente para Rico, colocando seus estudos, seus amigos, sua família, sua religião e até mesmo a si própria em segundo plano. Angelina é evangélica por tradição familiar e não exatamente por convicção religiosa. Porém, inesperadamente, tem um estranho sonho, cujas revelações possuem um forte e marcante significado, que ela somente conseguirá compreenderá mais tarde. Quando, no momento certo, a grande verdade lhe é revelada, ela finalmente compreende o que significa o amor de Deus em sua vida.

O livro foi uma das minhas aquisições na Bienal de SP e me interessei pela obra por ser uma ficção nacional publicada pela Arqueiro, o que, para mim, é uma novidade. Para completar, conheci a autora no estande da editora e ela é uma fofa!

[Cuidado! A resenha abaixo pode conter spoilers!]